Bolo de Cenoura. Uma receita saudável

A receita de Bolo de Cenoura parece ser como conselho, todo mundo tem uma para dar e todos as consideram infalíveis.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Eu admito que tenho imensas dificuldades com ela. Primeiro que meus bolos nunca deram muito certo, ou ficaram pesados, ou abatumados ou gordurosos, segundo que considero a quantidade de óleo e açúcar  obscenas e, por último, nunca acerto a sua cobertura, aquela casquinha crocante e brilhante por cima.

Qual a diferença entre essas receita e todas as outras que encontrei?

  • A encontrei em um blog muito confiável Coco e Baunilha.
  • A medida da cenoura é precisa. Nada de 3 cenouras pequenas, ou 2 médias ou 1 grande… São 250gr de cenoura ralada na parte fina do ralo, o que dá 1 xícara de cenoura ralada bem apertada com 1 dedo de folga.
  • Ao invés de 1 xícara de óleo usa 1/2 xícara de azeite de oliva.
  • Usa 1 xícara de açúcar contra 2 das receitas convencionais.
  • Eu não sabia antes de fazer, mas ficou perfeito.

Ingredientes:

  1. 250gr de cenoura ralada fina. Uma xícara de cenoura bem apertada com um dedo de acima da borda.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

  1. 1/2 xícara de azeite de oliva.
  2. 4 ovos. Retire a película das gemas.
  3. 1 xícara de açúcar.
  4. 1 xícara mais 1/4 de xícara de farinha de trigo.
  5. 1 colher de sopa de fermento de bolo.
  6. 1 colher de essência de baunilha natural. Se não tiver, use casca de limão ou laranja ralada.

Modo de fazer:

Preaqueça o forno a 180 graus. O forno precisa de 20 minutos para atingir e manter a temperatura assim, ligue enquanto prepara o bolo.

Unte e enfarinhe uma forma de bolo. Verão no vídeo que usei uma forma de buraco no meio, o que foi um erro pois tive de desenformar o bolo ainda quente e derramar a calda por cima fazendo cm que ela escorresse toda. Use uma forma retangular ou redonda.

Bata no liqüidificador o azeite, os ovos e o açúcar até obter um creme esbranquiçado.

Adicione a cenoura ralada e bata bem.

Transfira a massa para um tigela e peneire a farinha com o fermento.

Misture bem com movimentos delicados. Eu não misturei tão vem como deveria e ficaram algumas bolotas…

Coloque na forma e leve para assar por 40 minutos, mais ou menos.

Prepare a cobertura… Pois é, preparei certinho a calda conforme a receita… E o resultado? Nada satisfatório.

A calda melou e ficou gordurosa, nada crocante, nada gostosa.

Solução? Pode ser uma ganache de chocolate ou um brigadeiro molinho. Escolhi a segunda opção.

Ficou perfeito.

Veja o vídeo com a receita abaixo e, caso goste, assine o canal da Cozinha Sincera no YouTube.

Espero que gostem.

Sequilhos de Polvilho. Toda sofisticação da simplicidade.

Esse post é parte da participação da Cozinha Sincera no desafio #vamosfazerbolacha do blog Cravo e Canela – Uma cozinha no Brasil que tem como proposta para esse mês Bolachinhas sem glúten.

Devo confessar que fiquei encantada com a proposta pois Bolachinhas feitas em casa são com certeza parte de minhas mais preciosas memórias afetivas tanto é que o aroma delas assando sempre provoca uma sensação de conforto e acalanto em mim.image

Muitas são as opções de bolachas sem glúten em nossa culinária devido ao uso comum do polvilho, da araruta e do fubá. Mas dentre todas essas opções escolhi as de polvilho por seu sabor suave e textura delicada.

Espero que gostem.

Ingredientes:

  1. 3 xícaras de polvilho doce.
  2. 1 xícara de açúcar.
  3. 50gr de manteiga.
  4. 1/2 xícara de leite de coco.
  5. 1 ovo.
  6. 1 gema.
  7. 1 colher de chá rasa de fermento de bolo.

Modo de fazer:

Preaqueça o forniam 200 graus.

Unte com manteiga uma forma.

Misture todos os ingredientes até obter uma massa com a consistência de massa de modelar. Caso perceba que a massa está “desandando”, com uma consistência que lembra areia molhada, adicione aos poucos mais polvilho.

Faça bolinhas do tamanho de bolas de grude grandes E pressione em cima com um garfo.

Leve para assar até dourar levemente em baixo. Entre 10 e 15 minutos dependendo do seu forno.

Boa noite a todos.

Medalhões de Mignon com Molho de Vinho e Mostarda.

Essa é uma das receitas que mais gosto de fazer com Filé Mignon. Na verdade, o corte de filé não está entre os meus preferidos em termos de sabor e textura. Prefiro muito mais o contra filé, a picanha e até mesmo a fraldinha que são cortes com mais gordura e portanto, na minha opinião, mais saborosos.

image

Agora, a despeito dessa ressalva, não existe corte melhor para preparar um medalhão com molho de vinho do que o filé. Você pode comprar os medalhões prontos, a um preço de R$ 56,00 o quilo, ou comprar uma peça, limpar e cortar os medalhões, a um preço de R$38,00 o quilo (preço médio no Rio de Janeiro).

As vantagens apresentadas pela peça não está somente no preço, mas no aproveitamento de todos os seus pedaços. Do meio da peça tiram-se os medalhões, faz-se picadinho com os pedaços mais finos e com o cordão pode-se fazer um caldo para acrescentar ao molho de vinho. Como vocês podem ver, nada se perde…

Ingredientes para 4 porções:

  1. Entre 150 e 200 gr de filé por pessoa cortado em medalhões com 3 dedos de espessura.
  2. Sal e pimenta q/b.
  3. 200ml de vinho tinto seco. O ideal é que você use o mesmo vinho que irá servir na refeição.
  4. 2 colheres de sopa de mostarda.
  5. 200 gr. de champignons frescos ou em conserva fatiados.
  6. 3 colheres de sopa bem cheias de manteiga.
  7. Azeite de oliva para grelhar.

Modo de fazer:

Limpe e corte o filé.

Aqueça o azeite e adicione os medalhões.

Tempere com sal e pimenta moídos na hora.

Deixe 4 minutos desse lado se quiser a carne no ponto para mal passado, 5 minutos se quiser no ponto…mais do que isso… Não recomendo!

Vire, tempere e deixe grelhar esse lado também.

Transfira para um refratário aquecido enquanto prepara o molho. Se o clima estiver muito frio, deixe no forno na menor temperatura possível.

Coloque o vinho, a mostarda, a manteiga e o champignon na panela em que preparou a carne e deixe ferver até reduzir e engrossar.

Sirva com o acompanhamento de sua preferência.

Veja o vídeo receita a baixo e caso gostem, curtam a página da Cozinha Sincera no YouTube.

Boa sexta-feira a todos.

Torta Crocante de Congrio Rosa e Legumes.

Essa é uma receita deliciosa pois combina diversas texturas – o peixe crocante, o cogumelo cremoso e o refogado de cebola – e uma “embalagem” surpreendente. Parece aquelas caixinhas que você só descobre o que tem dentro quando o brinquedo pula em cima de você… No caso é o  intenso aroma do recheio que nos domina…

Vejamos:

MASSA PODRE:

  1. 250g de farinha de trigo.
  2. 125g de manteiga gelada cortada em pedaços.
  3. 1 pitada de sal.
  4. 1/4 de xícara de água gelada.

Modo de fazer:

Misture a manteiga com a farinha de trigo até incorporar completamente uma na outra.

Salgue a água e adicione à mistura mexendo rapidamente até formar uma bola

Reserve na geladeira por 1 hora.

RECHEIO:

  1. Carnes: peixe, frango, filé… Você pode variar o recheio de acordo com o que tenha disponível em casa. Corte em pequenos cubos. Calcule 100g por pessoa.
  2. Farinha de trigo o quanto baste.
  3. Sal e pimenta para temperar bem a farinha.
  4. Cebola fatiada.
  5. Cenoura em cubos.
  6. 50g de manteiga.
  7. Cogumelos. Champignon, Shimeji, Chitake…

Modo de fazer:

Separe, lave e corte todos os ingredientes enquanto a massa repousa.

Passe os cubos de carne pela farinha temperada e frite até ficarem chocantes.

Refogue a cebola e a cenoura e tempere.

Refogue os cogumelos na manteiga e tempere.

MONTAGEM:

Pré aqueça o forno a 200 graus.

Você pode montar porções individuais em rabequista ou montar uma torta grande em uma assadeira.

Coloque o refogado de cebola por baixo, adicione os cubos de carne e, por cima, os cogumelos.

Cubra com a massa, pincele com gema de ovo misturada com azeite e leve para assar até dourar.

Veja a receita completa no vídeo abaixo e se desejar, siga o canal da Cozinha Sincera no YouTube.

Delicioso, leve e surpreendente. Experimente!!!

Boa semana a todos.

Rotolo Repieno di Zucca: rocambole de massa recheada de abóbora, verduras e mussarela de búfala.

Uma das mais preciosas receitas da Cozinha Sincera agora em vídeo para vocês.

A receita da massa a base de ovos:

O recheio e a montagem do Rotolo:

.

A Receita completa por escrito:

http://cozinhasincera.com/2014/03/17/rotolo-ripieno-rolo-recheado/

Qualquer dúvida fiquem a vontade para perguntar e caso gostem do vídeo assinem o canal no YouTube.